Dicas

Por que devo escolher uma única ferramenta para realizar a manifestação das notas fiscais da minha empresa?

por que centralizar a manifestação do destinatário - dois colegas trabalham juntos em algo que observam no smartphone
Escrito por Eficiência Fiscal

O manifesto do destinatário é um instrumento que possibilita ao gestor de um negócio se posicionar dentro de uma operação comercial. 

Através dele as empresas podem se resguardar da responsabilidade de arcar com custos de operações em que não estão envolvidas, dentre outras funções.

Embora seja um processo bem simples, é preciso tomar alguns cuidados para garantir que a manifestação ocorra de maneira eficiente. 

Assim, você minimiza conflitos que podem confundir, e até mesmo atrapalhar, este processo.

Neste post, você vai entender porque é recomendado centralizar a manifestação do destinatário em uma única ferramenta.

Nos acompanhe na leitura.

Explore as possibilidades

O mercado coloca à disposição dos empresários inúmeras mecanismos que possibilitam executar tarefas e extrair informações importantes para gerenciar o negócio de forma eficiente. 

Assim, o gestor também precisa desenvolver a habilidade de manusear essas ferramentas fluidamente. 

Entretanto, aqui cabe uma ressalva. 

Ter a desenvoltura para utilizar diversas ferramentas não quer dizer que você deva empregar todas elas em seus processos. 

Isto apenas abre mais opções para que você possa escolher a mais adequada à realidade do seu negócio. 

Por isso, faça pesquisas, teste e escolha conscientemente as tecnologias com potencial de trazer maiores benefícios para a sua empresa.

Centralize a manifestação do destinatário

Agora que você entendeu a importância de buscar bons dispositivos para gerenciar as atividades do seu negócio, vamos ao ponto principal deste artigo:

“Por que devo utilizar uma única ferramenta para manifestar as notas fiscais emitidas contra o CNPJ da minha empresa?” 

A resposta é muito simples. 

Atividades específicas, como a manifestação do destinatário, por exemplo, precisam ser centralizadas a fim de que seja possível manter um controle efetivo do processo.

Além disso, especificamente no caso do manifesto, a utilização de duas ferramentas pode ocasionar duplicidade de eventos registrados para uma mesma NF-e. 

Veja bem.

Web services que fornecem a manifestação são configurados para comunicar-se diretamente com o sistema da Receita Federal. 

Assim, toda vez que um novo evento é registrado para aquela operação, a informação é transmitida para a base de dados do governo. 

Como funciona a comunicação entre Web Services que disponibilizam a manifestação do destinatário e a base de dados da Receita Federal

A mesma comunicação não pode ser estabelecida entre sistemas independentes, pois, geralmente, eles não conversam entre si. 

Vamos à um exemplo.

Suponha que você possua aí na sua empresa as ferramentas A e B que disponibilizam a manifestação.

Ao registrar um evento da NF-e pelo sistema A, a informação vai ser enviada diretamente para a base da Receita Federal (vide ilustração acima). 

Entretanto, a ferramenta B pode não ser capaz de capturar essa informação, ocasionando conflitos no processo, principalmente se você decidir manifestar a NF-e novamente por não ter conseguido visualizar se a mesma já foi manifestada (duplicidade de eventos).

Diferenças na comunicação dos eventos do manifesto do destinatário entre Web Services e Receita Federal versus Web Service A e Web Service B

Dessa forma, é fundamental escolher uma única ferramenta para realizar o manifesto do destinatário e concentrar suas atividades nesta única ferramenta.

A manifestação do destinatário é um dos recursos disponibilizados pelo Eficiência Fiscal

Clicando no botão abaixo você pode testar gratuitamente e sem compromisso esta funcionalidade. 

Não deixe de manifestar!

Todas as obrigações possuem o seu grau de relevância, por mais simples que pareça.  

O manifesto do destinatário, por exemplo, possibilita a você, empresário, se posicionar acerca de sua participação nas operações envolvendo NF-es emitidas contra o CNPJ da sua empresa.

Embora seja um processo relativamente simples, principalmente se você puder contar com ferramentas de manifestação intuitivas, ele não deve ser considerado irrelevante para a eficiência organizacional.

Lembre-se que, aliado a outros aspectos que compreendem a realidade de um negócio, a manifestação integra as boas práticas de compliance fiscal.

Em todo caso, cumprir as determinações instituídas para o manifesto, especialmente em relação aos prazos para registro de cada evento, preserva o seu negócio de sofrer algum tipo de penalização e contribui para que a sua empresa esteja em dia com o Fisco. 

Por isso, tome todas as providências necessárias, escolha uma boa ferramenta, treine a sua equipe – inclusive temos aqui no Blog EF e em nosso canal no Youtube diversos conteúdos sobre este assunto – e não deixe de manifestar!

Sobre o autor

Eficiência Fiscal

Somos uma empresa de outsourcing em gestão tributária PIS, COFINS e ICMS com foco em 3 operações, nas operações de compra, manutenção de itens e venda de mercadorias. Em resumo, possibilitamos que as empresas de nossos clientes possam se dedicar totalmente à suas áreas de especialidade, ou seja, em seu core business e contar com o nosso conhecimento qualificado em gestão tributária para obtenção de resultados cada vez melhores, a um custo muito inferior daquele que seria necessário para manter um departamento desses dentro da empresa ou contratação de consultores externos. Através de uma substancial base de regras fiscais e uma inovadora tecnologia em inteligência artificial, nós buscamos resolver o problema da falta de conhecimento qualificado para lidar com toda essa complexidade da nossa legislação tributária, que muitas vezes é potencializada pelo elevado volume de itens em transações com incidências tributárias, seja transações de compra ou de venda.

Deixar comentário.