Dicas

Como diminuir custos da empresa por meio da gestão fiscal?

Saiba como diminuir os custos da sua empresa com uma gestão tributária eficaz
Escrito por Eficiência Fiscal

A instabilidade do mercado é um fator de risco para a saúde financeira do seu negócio. Por isso é muito importante adotar uma gestão fiscal eficiente, que vise diminuir os custos da empresa permitindo a manutenção saudável das atividades do negócio.

Neste artigo vamos ajudar você com dicas essenciais para diminuir os custos por meio de uma gestão fiscal organizada e eficiente. É a solução que faltava para você dar “up” na sua empresa e começar o ano com o pé direito. Confira:

Analise os benefícios fiscais

Uma excelente maneira de diminuir os custos da empresa é conhecendo a analisando benefícios fiscais que possam favorecer o seu negócio. Para ter acesso a essas informações é essencial ter o apoio de um profissional de contabilidade qualificado.

Para você entender melhor, uma empresa pode ter isenções do ICMS, ou reduções nas porcentagens pagas em alguns casos específicos. Converse com o seu contador e avalie se o seu negócio se enquadra em algum benefício fiscal, essa é a possibilidade de reduzir as despesas com tributação e pensar em investir esses valores no crescimento do próprio negócio.

Reavalie o seu regime tributário

Será que a sua empresa está enquadrada no regime tributário adequado? Um ponto de discussão muito comum entre os profissionais de contabilidade é o regime de tributação. Muitas vezes, o baixo faturamento não significa necessariamente que a empresa deve estar enquadrada no Simples Nacional.

A empresa deve solicitar ao contador uma análise ampla do faturamento. Por meio de uma boa gestão interna e da assessoria de um profissional qualificado de contabilidade, é possível  identificar a necessidade de mudança de regime tributário, o que vai representar um direcionamento de custos mais adequado à realidade da empresa.

Muitas sociedades empresárias pagam mais impostos do que deveriam simplesmente por não ter uma gestão interna e contábil eficiente, que  forneça informações exatas sobre o faturamento e que permita uma análise mais adequada acerca do melhor regime tributário a ser adotado. 

Tenha um bom planejamento tributário

Diferente do que muitas pessoas acreditam, um planejamento tributário não é indicado apenas para grandes empresas. Todo negócio deve ter esse tipo de estudo.

Quando a sociedade não investe em um planejamento tributário ela tem mais chances de prejudicar o seu caixa no momento de efetuar o pagamento de todos os impostos que são devidos.

Nesta análise devem entrar principalmente impostos como o Imposto sobre veículos automotores (IPVA) e o Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU), que são despesas anuais mas que muitas vezes representam problemas de fluxo de caixa na data dos seus pagamentos, ante a falta de planejamento anterior.

O planejamento tributário serve para estudar essas despesas e estar preparado para o recolhimento dos valores sem prejuízos significativos no fluxo de caixa da empresa.

Siga o orçamento

Aqui vale a regra que você usa dentro da sua própria casa: tenha um orçamento, faça uma previsão de gastos e evite ao máximo os desperdícios. 

Utilize com eficiência os recursos disponíveis e siga o orçamento previsto para o período. Para conseguir ter uma visão ampla é essencial ter uma boa gestão administrativa e financeira. Seguir o orçamento vai fazer toda a diferença.

Se você está tentando diminuir os custos da empresa, é bom ficar por dentro das oscilações do mercado, planejar o seu negócio e ter a assessoria de bons profissionais. Com essas dicas você vai começar o ano muito mais tranquilo e pronto para investir no crescimento da empresa. Gostou deste artigo? Deixe o seu comentário e entre para conversa!

Sobre o autor

Eficiência Fiscal

Somos uma empresa de outsourcing em gestão tributária PIS, COFINS e ICMS com foco em 3 operações, nas operações de compra, manutenção de itens e venda de mercadorias. Em resumo, possibilitamos que as empresas de nossos clientes possam se dedicar totalmente à suas áreas de especialidade, ou seja, em seu core business e contar com o nosso conhecimento qualificado em gestão tributária para obtenção de resultados cada vez melhores, a um custo muito inferior daquele que seria necessário para manter um departamento desses dentro da empresa ou contratação de consultores externos. Através de uma substancial base de regras fiscais e uma inovadora tecnologia em inteligência artificial, nós buscamos resolver o problema da falta de conhecimento qualificado para lidar com toda essa complexidade da nossa legislação tributária, que muitas vezes é potencializada pelo elevado volume de itens em transações com incidências tributárias, seja transações de compra ou de venda.

Deixar comentário.